Notícias
Por falta de quórum, TJD-RR adia análise de pedido de anulação de GAS x Galo e denúncia contra Baré
Roraimense-2020
17.10.2020 - 10:13 - Roraima

Com quórum insuficiente nesta sexta-feira (16), a Comissão Disciplinar do Tribunal de Justiça Desportiva de Roraima (TJD-RR) adiou para quarta-feira (21), às 15h, a análise de sete processos, sendo dois deles envolvendo confusões ocorridas no Campeonato Roraimense deste ano, que mexem com o desfecho do primeiro turno e, portanto, "travam" o retorno do Estadual.

O primeiro processo da pauta é inerente ao pedido do Rio Negro para anular o jogo contra o GAS, pela terceira rodada, enquanto o segundo se refere à denúncia da Procuradoria Geral do TJD-RR contra o Baré, por suposto abandono de campo no duelo diante do São Raimundo, pela quarta rodada, em protesto contra a continuidade do Estadual em meio ao agravamento da pandemia. Nessa ação, o órgão recomenda perda de três pontos do Colorado e multa de R$ 5 mil à equipe.

Apenas dois dos cinco auditores da Comissão compareceram à sessão: o presidente Francisco Brizola, e José Horácio do Nascimento. Para ter o julgamento, é necessária, no mínimo, a presença de três auditores.

Dois deles tiveram imprevistos: Werney Junior precisou acompanhar a mãe, que sofreu um acidente; e José Deodato de Aquino Junior, que trabalha no Tribunal de Justiça de Roraima, o qual remarcou seu plantão para esta sexta-feira. Até o momento, o vice da Comissão, Salim Bichara Filho, não justificou a falta. Todos são voluntários na Corte.

A sessão desta sexta estava marcada para 16h, mas como mais nenhum auditor chegou ao local do julgamento dentro da tolerância de 30 minutos, Brizola suspendeu a reunião. O presidente da Corte, auditor Carlos Calheiros, foi quem avisou aos defensores e representantes legais dos clubes envolvidos, que esperavam pelo início do evento.

O Campeonato Roraimense, anteriormente marcado para voltar no último dia 10, foi adiado para o próximo dia 28 e, entre os motivos para o adiamento foram as pendências no TJD-RR. Na pauta desta sessão ainda estão outros cinco processos envolvendo expulsões ocorridas em jogos dos estaduais Sub-17 e Sub-20 do ano passado.

- Se houver condição e celeridade na análise dos processos [na quarta], talvez a gente analise mais processos de 2019 [além dos dois primeiros], mas isso vai depender do julgamento daquela pauta distribuída, que são aqueles processos de expulsão dos campeonatos Sub-17, 20. A gente vê se todos estarão com os pareceres do procurador, aí é só a comissão analisar e julgar - explicou Calheiros ao ge.

Enquanto o julgamento não é realizado, o líder do Estadual é o GAS, teórico primeiro finalista do primeiro turno, com dez pontos. O São Raimundo é o vice-líder, com quatro (não contabilizando o empate com o Baré). Rio Negro e Atlético Roraima têm três pontos, cada, mas o Rio Negro está na frente pelo confronto direto. O Baré é o lanterna, com nenhum ponto.

Foto: Hélio Garcias
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2020 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte