Notícias
Bruno mira títulos, diz respeitar críticas e quer cobrar faltas no Rio Branco
Temporada 2020
01.08.2020 - 22:46 - Acre
Foto: Divulgação/Rio Branco

Com a experiência de quem vestiu camisas de três dos principais clubes do país e foi campeão brasileiro no auge como um dos destaques do Flamengo em 2009, o goleiro Bruno chega ao Rio Branco-AC com uma grande expectativa por parte dos torcedores de ajudar o Estrelão a alcançar outro patamar na atual temporada. O clube ficou fora das semifinais do primeiro turno do Campeonato Acreano e precisa vencer o estadual para ter calendário cheio na temporada 2021.

Após 11 anos da conquista nacional que marcou a carreira e 10 anos do momento que interrompeu o caminho do goleiro (assassinato de Eliza Samudio, pelo qual o goleiro foi condenado e preso), que poderia ser de traçar o sucesso no futebol mundial, ele foi contratado na última semana para reforçar o clube acreano em busca do título estadual, do acesso ao Campeonato Brasileiro da Série C e de uma campanha de respeito, mirando o título na Copa Verde.

Aos 35 anos, Bruno assinou contrato com o Rio Branco-AC por seis meses. Ele diz que está com desejo de vencer, ser campeão e motivado para aproveitar a oportunidade. Em tom de bom humor, destaca que o corpo não é mais o mesmo de quando ajudou o Flamengo a ser campeão brasileiro.

– Eu falo com as pessoas que o Bruno chega pra contribuir, pra somar, com muita vontade de conquistar títulos porque por onde passei sempre deixei a minha marca e aqui não vai ser diferente. A motivação é extrema, estou querendo. E falo com as pessoas o seguinte: eu tô com 35 anos, uma vontade de um garoto de 20 anos, só que o corpo, o osso parece que tem 70 anos, porque dói tudo. Dói coluna, dói dedo, dói pescoço. É complicado – diz

Questionado se tem conhecimento das críticas que recebe, o goleiro ressalta que usa as palavras como motivação para trabalhar.

– Acho que as pessoas focam muito na crítica e esquecem das pessoas que apoiam. As críticas vendem muito mais do que quem apóia. Se fizer uma pesquisa aqui dentro do Rio Branco, do Acre, é 90% apoiando e, infelizmente, tem a outra parte que critica. As críticas me motivam a trabalhar cada vez mais porque até as opiniões contrárias a gente tem que respeitar. Então, me fortalece para poder crescer cada vez mais e ajudar nos interesses do Rio Branco – afirma.

Com menos de uma semana de treinamentos com o elenco, o goleiro já demonstra confiança de que o Rio Branco-AC poderá ter sucesso na temporada. Ele convoca o torcedor para apoiar o clube e destaca que se trata de uma equipe jovem, que vai enfrentar dificuldades, mas que está trabalhando para conquistar o melhor em campo para o clube.

– Desde já convoco o torcedor rio-branquino pra somar com a gente. É um grupo que está em reformulação, um grupo de jovens, nosso time é muito novo, vamos ter dificuldades. O nosso treinador também é novo, mas é muito competente. A gente está fazendo de tudo pra poder alinhar o mais rápido possível, entrosar pra buscar sim os objetivos do Rio Branco, que é ser campeão, de chegar e subir pra Série C. Não estamos nos preparando para uma competição só. Estamos nos preparando para três competições muito importantes para o Rio Branco.

À época que defendia o Flamengo, Bruno estava passando a colocar em prática as cobranças de faltas. Ele assegura que continua batendo faltas e quer ter a oportunidade de mostrar o fundamento, se for liberado pelo treinador para executar a função

– O Bruno continua batendo falta. Se eu tiver oportunidade de bater, e se for de acordo com meu treinador, com certeza vou estar treinando, me preparando. Se pintar uma oportunidade, por que não? – encerra.

Curiosamente, no treinamento do Rio Branco-AC na manhã deste sábado (1°), no CT José de Melo, em Rio Branco, o goleiro marcou um gol de falta, mostrando que o pé ainda está calibrado.

A estreia com a camisa do Alvirrubro deve ser no retorno do estadual, paralisado desde o dia 17 de março por causa da pandemia do novo coronavírus. A expectativa da Federação de Futebol do Acre (FFAC) é que a realização de jogos seja liberada a partir da segunda quinzena de agosto.

Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2020 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte