Notícias
Darlan Borges admite erro do Fast e concorda com título do Nacional
Bastidores
12.09.2019 - 17:28 - Amazonas

O treinador Darlan Borges, excluído do Campeonato Amazonense sub-19 com o Fast, surpreendeu ao não polemizar a homologação do Nacional-AM como campeão do estadual da categoria após veredicto do Tribunal de Justiça Desportiva do Amazonas.

O Tricolor de Aço, vale dizer, seria o adversário do Leão da Vila Municipal na decisão, até que o TJD-AM suspendeu o torneio através de uma medida inominada. O título - e indicação à Copa São Paulo de Futebol Júnior - foi concedido ao Naça apesar do Rolo Compressor ter recorrida à exclusão.

- Temos que aceitar. Os caras estavam todos legais, tudo certo. Eu fui na corda da FAF de usar só o BID da base, o que deu problema. Eu ainda falei que usaria o BID da CBF, mas falaram para não usar. Nos f* por causa disso. Julgaram a gente por causa do BID da CBF - disse ele.

Darlan aceitou a perda do campeonato para o Nacional, mas deixou claro que não teria a mesma anuência se o Iranduba herdasse vaga do Fast na final da competição. De acordo com ele, o Verdão, que foi eliminado para o Tricolor nas semifinais mas foi absolvido de supostas irregularidades em julgamento da comissão disciplinar, estava todo irregular.

- Aceito o título do Nacional, até porque os jogadores do Fast devem ir tudo para lá disputar a Copa São Paulo. O problema mesmo era o Iranduba. Perder a vaga para o Iranduba, que estava todo irregular, que eu não aceitaria - acrescentou.

A Federação Amazonense de Futebol (FAF) homologou na tarde desta quarta-feira, em nota oficial, o Nacional-AM como campeão do Amazonense de juniores de 2019. O título polêmico veio após a exclusão do Fast, então finalista e que ainda terá o recurso julgado, da competição.

FAF rebate Darlan

De acordo com o diretor das categorias de base da FAF, Thiago Durante, o Fast foi excluído da competição por inscrever atletas fora do prazo permitido. Durante ainda cita o regulamento específico do torneio para fundamentar sua declaração.

No parágrafo segundo, do artigo 5º, consta o seguinte: "Registros e Inscrições de novos atletas para utilização no Campeonato poderão ser realizados e desde que atendido as condições do “caput”, até o dia anterior ao início da Segunda Fase (quartas de finais)."

- A competição tinha uma data de inscrição. O atleta dele não apareceu no BID até a data de encerramento de inscrições, só depois. E mesmo assim ele pôs o atleta em campo fora da data limite de inscrição do campeonato. Não tem nada a ver com BID da CBF e BID da FAF. É muito difícil ele aceitar que errou. Ele errou, inscreveu atleta, todos nós avisamos, mesmo assim ele arriscou. O Campeonato tem o regulamento, que é muito claro e rege a competição.

Foto: Marcos Dantas
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte