Notícias
Vasco bate o Náuas e quebra jejum sem vitória
Acreano-2019
24.03.2019 - 00:48 - Acre

Com um gol marcado pelo atacante André no segundo tempo, o Vasco-AC venceu o Náuas por 1 a 0, na tarde deste sábado (23), na abertura do segundo turno do Campeonato Acreano, no estádio Florestão, em Rio Branco. A partida foi válida pelo grupo B.

Depois de ver o adversário iniciar melhor a primeira etapa, o Vasco-AC pressionou na reta final dos primeiros 45 minutos, mas não conseguiu furar a defesa do Cacique do Juruá. No segundo tempo, o time da capital seguiu com domínio do jogo até que aos 12 minutos, André acertou um belo chute de primeira para vencer o goleiro Leal e balançar a rede. O Náuas, que tinha dificuldade de sair para o ataque, se lançou em, busca do empate e incomodou, mas sem sucesso. Após os 30 minutos o futebol ficou prejudicado em virtude das más condições do gramado, alagado por causa da chuva que começou a cair no decorrer do jogo, os dos times não conseguiram mais tocar e nem conduzir a bola com qualidade e o resultado não foi alterado. O triunfo encerrou um período de mais de um ano sem vitória do Vasco-AC na elite do estadual.

O Vasco-AC soma os três primeiros pontos no segundo turno e lidera o grupo B. O Náuas, sem ponto somado, fica em quinto e último lugar.

O Náuas volta a campo na terça-feira (26), para enfrentar o Galvez, na Arena da Floresta, em Rio Branco, pela segunda rodada, às 18h. O Vasco-AC encara o Plácido de Castro na quinta-feira (28), no mesmo horário e mesmo local. Os jogos são no horário do Acre.

O Jogo - O Náuas teve a primeira oportunidade com Jefferson, que finalizou para defesa de Pablo, aos seis minutos. O camisa 1 Cruz-Maltino mandou a bola para escanteio. A partida iniciou bem truncada, com os times girando o jogo quando tinham a posse de bola, mas sem objetividade. Aos 17, Eduardo girou sobre o defensor do Vasco-AC e finalizou de pé esquerdo. A bola saiu assustando o goleiro Pablo e foi pela linha de fundo. O jogo seguiu equilibrado, com poucas oportunidades de gols para as equipes. A partir dos 35 minutos, o Vasco-AC pressionou. Em uma boa jogada de John, o Cruz-Maltino levou perigo ao Cacique do Juruá. O camisa 9 girou e finalizou alto para boa defesa de Leal. Aos 37, após cruzamento de André para a área do Náuas, Leal saiu e desviou a bola que foi na direção de John, que tentou de cabeça, mas o cabeceio foi pela linha de fundo. Dois minutos depois, André ficou com a bola dentro da área do Náuas, mas na hora do chute pegou mal e mandou pela linha de fundo. Aos 45, o Cruz_Maltino teve boa chance com André, após cobrança de escanteio, mas o camisa 9 finalizou mal a bola que sobrou dentro da área. O Vasco-AC seguiu na pressão e, aos 46, Manino salvou o Náuas. André se livrou de três adversários e finalizou, o goleiro Leal deu rebote e na sobra Manino apareceu para aliviar o perigo antes da finalização de John. Assim, o primeiro tempo terminou sem gols.

Assim como terminou a primeira etapa, o Vasco-AC começou o segundo tempo, pressionando o Náuas em busca do gol. Melhor na partida, o Cruz-Maltino chegou ao gol aos 12 minutos, com André. O camisa 11 aproveitou a sobra da defesa do Náuas e finalizou de primeira sem chances para Leal, marcando um belo gol no Florestão. O gol fez o Cacique do Juruá se lançar ao ataque em busca do empate. Aos 14, por pouco o time de Cruzeiro do Sul não marcou. Após cobrança de escanteio para a área do Vasco-AC, dois jogadores do Náuas tentaram atacar a bola, mas acabaram perdendo boa oportunidade de igualar a partida. A equipe do interior teve nova oportunidade com Maicon, aos 27 minutos, mas a finalização foi bloqueada pela defesa cruz-maltina. Após os 30 minutos começou a chover muito forte e as duas equipes tiveram muitas dificuldades para trabalhar jogadas e tocar a bola. O gramado encharcado prejudicou os dois lados, mas acabou beneficiando o Vasco-AC, que manteve a vantagem a garantiu a primeira vitória no estadual e a o primeiro triunfo na elite do Acreano após mais de um ano.

Foto: Manoel Façanha
Fonte: Globoesporte.com
 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte