Notícias
Independência goleia São Francisco e esquenta briga por vaga nas semifinais
Acreano-2019
10.02.2019 - 23:04 - Acre

O Independência goleou o São Francisco no Campeonato Acreano por 4 a 1, neste domingo (10), no Florestão, em Rio Branco. Mesmo com o campo em péssimas condições de jogo, por causa das chuvas, o Tricolor de Aço abriu o placar com um chute forte de Léo, aos 20 minutos do primeiro tempo. Aos 36, Ailton ampliou. No segundo tempo, logo aos dois minutos, Moeda foi derrubado na área por Jeferson e o árbitro marcou pênalti. Ailton foi para a bola, chutou forte no canto esquerdo e converteu. Três minutos depois, o São Francisco diminuiu com Cristiano, mas aos 12, Canauba decretou a goleada e deu números finais a partida. O resultado deixou o Tricolor de Aço com seis pontos, um a menos que o Atlético-AC e acirrou a briga por uma vaga nas semifinais do primeiro turno.

Mesmo com a vitória, o Independência continua na terceira posição do grupo A, mas agora com seis pontos, uma a menos que o Atlético-AC. Já o São Francisco permanece na lanterna do grupo B, com nenhum ponto conquistado.

O Independência encarar o Plácido de Castro, na quinta-feira (21), às 18h, na Arena da Floresta, em Rio Branco. Já o São Francisco enfrenta o Humaitá, no domingo (24), às 15h30, no Florestão, na capital acreana. Os jogos são no horário do Acre.

O Jogo - Nos primeiros 15 minutos, pouco se construiu na partida diante da dificuldade de se praticar futebol com o gramado bastante castigado. Aos 17, o São Francisco chegou com perigo. Após cruzamento, Elias cabeceou pela linha de fundo. Na primeira oportunidade do Independência, a bola foi morrer no fundo do gol, aos 22 minutos. Léo aproveitou a sobra depois de corte da defesa do São Francisco e finalizou da entrada da área para fazer 1 a 0.

Aos 32, Elias tentou o chute de dentro da área, mas pegou mal na bola e mandou longe do gol de Thiago. O Tricolor de Aço ampliou a vantagem aos 38 minutos. Léo cobrou escanteio, a defesa do São Francisco não cortou e Ailton apareceu para empurrar para o fundo do gol e fazer 2 a 0. Sem força ofensiva, o São Chico não incomodou o goleiro Thiago. O Independência manteve a boa vantagem e foi para o intervalo com placar favorável.

O Independência quase marcou o terceiro aos dois minutos. Rodrigo dividiu com o goleiro Igor, a bola ia entrando, mas a zaga do São Francisco tirou em cima da linha. Aos três minutos, Moeda entrou na área e foi derrubado por Jeferson. Pênalti marcado que Ailton cobrou e fez 3 a 0. O goleiro Igor acertou o canto e chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar o gol. O São Chico diminui o prejuízo aos sete minutos. Cristiano recebeu e finalizou sem chances para Thiago e fez 3 a 1. O gol animou o São Chico, que se arriscou ainda mais ao ataque. Aos 11, Paulinho Pitbull pegou o rebote na entrada da área e finalizou para grande defesa de Igor, que se esticou e mandou para escanteio. Na cobrança do tiro de canto, Carnaúba subiu mais que a defesa do São Francisco e cabeceou no canto esquerdo do goleiro Igor, que pulou, mas não alcanço: 4 a 1 Tricolor de Aço.

Com a grande desvantagem no marcador, o São Francisco de lançou de vez ao ataque tentando pressionar. O Independência se manteve firme defensivamente e suportou as investidas. Aos 27 minutos, numa tentativa de contra-ataque do Independência, Rayson parou a jogada com falta, recebeu o segundo cartão amarelo e em seguida o vermelho. Aos 38, Brenner, zagueiro do Independência, cometeu falta perto da área do Tricolor de Aço, levou o segundo cartão e também foi excluído da partida por cartão vermelho. No minutos finais os dois times brigaram bastante, mas não mexeram mais no placar e o Independência garantiu mais três pontos na classificação.

Foto: Manoel Façanha
Fonte: Globoesporte.com
 

© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte