Notícias
Árbitro é agredido com cabeçada e chute no rosto em final
Bastidores
12.09.2018 - 22:07 - Futsal

A decisão do Campeonato Acreano de Futsal da 2ª divisão, entre Fluminense da Bahia e Atlético Brasileense, na noite desta terça-feira (11), no ginásio Álvaro Dantas, em Rio Branco, terminou com agressão ao árbitro responsável pela condução da partida.

A partida estava com placar de 6 a 4 para o Fluminense da Bahia e foi encerrada aos 16 minutos da etapa final. Após o lance que originou o sexto gol do Fluminense da Bahia, o ala Alcione, do Atlético Brasileense, insatisfeito com a não marcação de uma falta pelo árbitro Marcos Nogueira, partiu pra cima do juiz e deferiu uma cabeçada. Nogueira caiu na quadra e o jogador aplicou-lhe um chute no rosto.

Diante da situação, a arbitragem decidiu encerrar o jogo. A Polícia Militar foi acionada e o atleta foi conduzido a uma unidade de segurança pública da capital acreana. Ele assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado.

O resultado garantiu o título para o Tricolor da Baixada. Os gols do Fluminense da Bahia foram marcados por Alexsandro (3), Tonho Cabañas, Tiago e Cristiano. Vando, João Paulo, Antônio e Lucas marcaram os gols do Atlético Brasileense. As duas equipes têm vaga assegurada na primeira divisão em 2019.

Foto: Reprodução/Rede Amazônica Acre
Fonte: Globoesporte.com
 
© Copyright 2004 - 2018 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte