Notícias
Pleno do STJD absolve Paysandu da acusação de homofobia
Bastidores
10.08.2017 - 18:50 - Pará

A exemplo do que a 3ª Comissão Disciplinar já havia decidido no último dia 19 de julho, o Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) manteve a absolvição ao Paysandu Sport Club da acusação de homofobia, em julgamento realizado no início da tarde desta quinta-feira (10), no Rio de Janeiro (RJ). Os advogados que representaram o clube também conseguiram reduzir a multa que tinha sido aplicada na audiência passada.

O Papão foi denunciado nos artigos 243-G e 213 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), em função de uma desordem na Curuzu depois de um jogo válido pela Série B do Brasileiro. Mais uma vez, o clube não sofreu nenhuma perda de mando de campo ou de ponto no campeonato nacional na primeira acusação.

Na segunda denúncia, o Paysandu havia sido condenado no primeiro julgamento a pagar R$ 7.500,00 em cestas básicas devido a uma confusão ocorrida nas arquibancadas do seu estádio logo após a partida contra o Luverdense-MT, pela 11ª rodada da segunda divisão, no último dia 30 de junho. Hoje, a pena foi reduzida para R$ 5 mil.

Os advogados Osvaldo Sestário e Felipe Macedo apresentaram a defesa do clube ao Pleno do STJD.

Foto: Ascom Paysandu
Fonte: Assessoria/Paysandu
 
© Copyright 2004 - 2017 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte
CBK Agência Digital
E-Mail Futebol do Norte