Notícias
Paysandu bate Vila Nova e encerra jejum na Série B
Brasileirão
15.07.2017 - 20:15 - Pará

O Paysandu reencontrou o caminho das vitórias depois de amargar um jejum de nove jogos na tarde deste sábado ao vencer o Vila Nova, por 2 a 1, de virada, no Estádio Juscelino Kubitschek, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. De quebra, o time paraense deixou a zona de rebaixamento.

A última vitória do Paysandu havia sido na quarta rodada, quando bateu o América-MG, por 2 a 0, no dia 2 de junho. De lá para cá, foram cinco derrotas e quatro empates. O time paraense chegou aos 17 pontos e saiu da degola. Por outro lado, o Vila Nova estacionou nos 23 e deixou a zona de classificação devido a vitória do CRB sobre o Internacional.

Punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com a perda de quatro mandos de campo devido a briga dos torcedores no clássico diante do Goiás, o Vila Nova vai fazer os próximos três jogos como mandante com os portões fechados. A partida deste sábado foi realizada no Juscelino Kubitschek porque o julgamento aconteceu na quinta-feira e não havia tempo hábil para a mudança.

RESULTADO JUSTO

O Vila Nova encontrou dificuldades para escapar da marcação imposta pelo Paysandu nos minutos finais, mas aos poucos foi conseguindo criar boas oportunidades. Depois de Moisés pedir pênalti em lance com Gualberto, Alípio acertou a trave de Marcos Milanezi de cabeça. No rebote, Alan Mineiro chutou e o goleiro defendeu em cima da linha.

No contra-ataque, o Paysandu levou perigo em finalização de Magno. Era o Vila Nova, porém, quem tomava conta do jogo, criando uma oportunidade atrás da outra. Aos 28, Alan Mineiro chutou forte e Marcos Milanezi espalmou. Na sequência, Alípio passou fácil por Gualberto dentro da área e, na frente do goleiro, bateu para fora.

De tanto pressionar, o Tigre abriu o placar aos 45 minutos. Maguinho cruzou e Fernando Lombardi, na tentativa de tirar, tocou com a mão na bola dentro da área. O árbitro assinalou pênalti e Alan Mineiro converteu com categoria. Esse foi o último lance do jogo.

VIRADA BICOLOR

O Paysandu voltou com outra postura do intervalo e empatou logo aos sete minutos. Depois de perder uma chance incrível, Marcão mostrou oportunismo e cabeceou para o gol após cruzamento de Rodrigo Andrade. O goleiro Luis Carlos ainda tocou na bola, mas não o bastante para fazer a defesa.

A partida era mais equilibrada no segundo tempo. O Vila Nova tentava controlar a bola, enquanto o Paysandu apostava nas jogadas aéreas, principalmente com Marcão. Aos 19, Ayrton recebeu de Rodrigo Andrade e soltou a bomba na rede pelo lado de fora. Ligeiramente melhor em campo, o Papão virou aos 29 minutos.

Rodrigo Andrade recebeu lançamento de Fábio Matos e bateu com categoria na saída de Luis Carlos. Por fazer cera, o volante Augusto Recife recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso pelo árbitro. Com um homem a mais, o Vila Nova por muito pouco não empatou em cabeçada de Wesley Matos. Nos acréscimos, Rodrigo Andrade também acabou sendo expulso.

PRÓXIMOS JOGOS

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, pela 15ª rodada. O Vila Nova enfrenta o Santa Cruz, às 20h30, na Arena Pernambuco, em Recife, enquanto o Paysandu recebe o Náutico, às 19h15, no Mangueirão, em Belém.

Foto: Douglas Monteiro/Vila Nova
Fonte: Futebol Interior
 
© Copyright 2004 - 2017 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte