Entrevistas
Tricampeão rondoniense conta sua história no futebol

Domingos José da Costa, o popular Da Costa (35), foi um dos melhores laterais-direito que passou pelo futebol rondoniense, tendo atuado pelo Ariquemes, Ji-Paraná, Ulbra, União Cacoalense e VEC. O Portal Futebol do Norte (www.futeboldonorte.com.br) conta a trajetória deste vitorioso atleta que foi tricampeão rondoniense (2004, 2005 e 2006), campeão sul-mato-grossense (2009) e bicampeão da Segunda Divisão do Campeonato Rondoniense (2005 e 2007).

De acordo com Da Costa, o futebol sempre foi uma diversão desde criança. “Desde pequeno na cidade de Brejinho de Nazaré, esta era a única opção que tinha era jogar futebol, dai surgiu o interesse”, frisou.

Após o interesse pelo futebol, Da Costa teve a oportunidade de realizar um teste na Anapolina-GO. “No ano de 1998 fui aprovado e fiquei por lá três anos, sendo três meses depois fui profissionalizado. No ano de 1999 fui eleito o melhor lateral-direito do Campeonato Goiano. E também em 1999 acabei sendo convocado pela Seleção Goiana Sub-20”, acrescentou.

Após sua passagem pelo futebol goiano, o ex-lateral rodou o Brasil atuando pelo Guará-DF, Brasiliense-DF, Imperatriz-MA e Tiradentes-CE. Em 2003, Da Costa teve a primeira oportunidade de atuar no estado de Rondônia. “Fui levado pelo treinador Ionay da Luz para o Ji-Paraná. Já em 2004 fomos para o União Cacoalense, 2005 Vilhena, 2006 Ulbra, 2007 Ariquemes e 2008 Ariquemes. Foram seis anos de Rondônia”, destacou.

Da Costa considera que teve inúmeros bons momentos ao longo da carreira. “Cacoal 2004 foi inesquecível, fui eleito o melhor lateral-direito. 2005 pelo VEC também foi inesquecível. 2009 pelo Naviraiense-MS demos um título a uma cidade que nunca tinha chegado. Sem contar minha passagem pelo Brasiliense que foi marcante para mim”, ressaltou.

Para Da Costa, o melhor treinador em sua carreira foi Ionay da Luz. “Foram sete anos de convivência. Ele me ajudou muito no crescimento no futebol. Um profissional com muita qualidade, que agregou muito valor não só ao futebol, mas para a vida. Devo muito a esse profissional. Taticamente e emocionalmente ele sabe tirar a doação dos jogadores e sabe unir o grupo. É um estudioso do futebol”, disse.

Quanto ao pior momento, este ocorreu em sua primeira passagem no futebol rondoniense, em 2003 pelo Ji-Paraná. “Fui contratado pelo presidente (Valdir do Cacau) e passou três dias ele morreu. Quem ia me pagar? Foi complicado. Jogamos pelos torcedores que eram muito apaixonados e pelo time. Naquele ano, só recebemos o dinheiro das rendas, que graças a Deus o Biancão lotava. Foi complicado”, relembrou.

Em Rondônia, Da Costa foi campeão por três cidades diferentes: Cacoal, Ji-Paraná e Vilhena. “Cada uma das cidades teve sua particularidade. Cacoal pelo aconchego da cidade e os torcedores apaixonados. Vilhena encanta com o clima maravilhoso e pessoas especiais. Essas duas cidades me deixam saudades. Ganhei até um título de cidadão vilhenense em uma Moção de Aplauso e foi maravilhoso”, destacou.

Já em 2009, Da Costa teve uma lesão no púbis que acabou encurtando sua carreira no futebol. “Fiz a cirurgia, mas não consegui voltar a atuar em alto nível. Quando treinava pela manhã, a tarde não conseguia. Daí resolvi parar, porque esse nível que a gente joga, tem que estar sempre jogando. Jogador machucado não tem moral e nem valor. Daí resolvi encerrar a carreira”, lamentou.

O ex-lateral ainda sonha em realizar um jogo de despedida em Rondônia, porém ainda resta definir a data. “Tenho muitos amigos em Rondônia. Quando me formar quem sabe. Pretendo fazer esse jogo aí depois de julho de2015. Ainda vou falar com o Miro de Vilhena”, disse.

Atualmente, Da Costa vive em Porto Nacional, no interior do Tocantins, e está próximo de concluir sua graduação. “Eu administro uma empresa e estou terminando a faculdade de Engenharia Civil. Quando me formar, vou voltar a andar pelo Brasil em busca de trabalho. Porque quem viveu 13 anos rodando sente muita falta dessa vida da resenha da bola”, finalizou.

Ficha Técnica
Nome completo:
Domingos José da Costa
Data de Nascimento: 10 de junho de 1979
Cidade Natal: Brejinho de Nazaré (TO);
Clubes: Anapolina-GO, Ariquemes-RO, Brasiliense-DF, Guará-DF, Imperatriz-MA, Ji-Paraná-RO, Naviraiense-MS, Tiradentes-CE, Ulbra-RO, União Cacoalense-RO e VEC-RO.
Títulos: Tricampeão Rondoniense (2004, 2005 e 2006) e bicampeão da Segunda Divisão do Rondoniense (2005 e 2007) e Campeão Sul-Mato-Grossense 2009.

 
Galeria de Fotos
Fotos: Reprodução/Facebook 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados ao Futebol do Norte