Entrevistas
Treinador do Remo vai tentar impor experiência

O paulista Marcelo Veiga (47), mal chegou e já causa alvoroço no Baenão. Tendo no currículo um título brasileiro da Série C, de 2007, Veiga fez história no Bragantino, que comandou por 390 jogos e quase sete anos, com apenas dois intervalos curtos. Ao deixar o clube paulista, o técnico optou por conhecer e respirar novos ares, e justo em Belém, onde o Remo vivia uma crise interna com o ex-técnico, Veiga aposta no acesso e na confiança da torcida para recolocar o Remo, aos poucos, no seu devido patamar. Confira algumas palavras do treinador na sua apresentação.

1 - O que o trouxe para Belém do Pará?
Marcelo Veiga - Assim que saí do Bragantino, recebi seis propostas de times da Série B. Quando surgiu o convite do Remo, levei menos de duas horas para acertar. Apostei no desafio. Quis treinar um time de massa, de história, de camisa. Tenho essa responsabilidade de passar de fase e conseguir o acesso.

2 - Qual foi a primeira impressão ao chegar no Clube do Remo?
Marcelo Veiga - Eu vi uma disposição muito grande, uma vontade de mostrar serviço e focando no objetivo que é a classificação.

3 - E em relação ao time?
Marcelo Veiga - Evidente que precisamos melhorar um pouco o grupo, mas temos tempo para trabalhar essas correções. Todos querem o acesso, querem ganhar e se classificar.

4 - Quanto a zaga, que tem sofrido um pouco por causa da quantidade de gols?
Marcelo Veiga - Na zaga, eu vi um time jovem. Não vi o Ávalos treinando, mas a gente precisa ter um equilíbrio muito grande pra não sofrer tantos gols como vem sofrendo no campeonato.

5 - E o restante do time?
Marcelo Veiga - O meio de campo é rápido, é de marcação, mas eu achei um pouco aberto, mudei algumas coisas que acho importante. O ataque é rápido, tem jogadores de referência, como o Fábio e o Mendes, que tem que ser utilizado. O Cassiano é um jogador veloz, e também tem o Ratinho, que é o artilheiro do time.

6 - Você pensa em reforços?
Marcelo Veiga - Pela indicação da diretoria em mostrar a necessidade de contratar, a gente entrou em contato com alguns nomes. Eu estou vendo que vamos precisar de um zagueiro. Além disso, fechamos com o lateral esquerdo.

7 - O número de jogadores não preocupa?
Marcelo Veiga - O grupo é esse, vamos tentar agregar ele, mas ainda tem muita coisa pra ser feita até quarta-feira.

8 - O objetivo...
Marcelo Veiga - Vim para trabalhar até o final de outubro, levar o Remo para a Série C e ter a possibilidade de renovar o contrato o ano que vem. Não vim para passar dois dias e ir embora.

9 - Sobre o clube
Marcelo Veiga - Quando eu cheguei no Bragantino o campo estava interditado e tinham dois cavalos pastando, hoje é um clube moderno, com CT, alojamento, restaurante e estádio. Eu sai de uma equipe como o Bragantino para trabalhar em outro clube grande, do mesmo porte. Acredito que o Remo possa me dar esse suporte.

 


© Copyright 2004 - 2019 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte