Colunistas
Craques de Outubro
por Francisco Dandão



Escrevi um dia desses uma crônica falando de como o mês de setembro era pródigo em dar para o mundo grandes craques do futebol. Naquela oportunidade, fiz até uma lista onde constavam os nomes de, entre outros, Leônidas da Silva, Renato Gaúcho, Ronaldo Fenômeno e Clodoaldo.

Aí, um dos meus chegados amigos me escreveu alertando que foi no mês de outubro que nasceu o maior de todos os jogadores de futebol já vistos nos campos da Terra. Ninguém menos do que o senhor Edson Arantes do Nascimento, vindo ao mundo em 23 de outubro de 1940, em Minas Gerais.

Edson Arantes do Nascimento, que todos conhecem como Pelé, completa 78 anos na próxima terça-feira. E embora na sua cronologia de vida conste que ele nasceu em Minas Gerais (Três Corações) e cresceu no interior de São Paulo (Bauru), há quem diga que ele veio mesmo foi de outro planeta.

A criatura conquistou três Copas do Mundo (1958, 1962 e 1970) e outros dois títulos mundiais de clubes (com o Santos, em 1962 e 1963). Fora isso, marcou mais de mil gols, fez parar conflitos armados, quebrou pernas de adversários maldosos e humilhou zagueiros carniceiros. É ruim? Rsrs.

Sim, tem mais, muito mais: o sujeito foi coroado rei pelos franceses, povo que entende pra lá de pouca coisa de questões ligadas à realeza (vide as diversas dinastias Luís, Carlos, Felipe, Francisco etc.) e ensinou os norte-americanos a chutar uma bola de futebol (por lá eles chamam de soccer).

Mas fora o maior gênio de todos, a lista de cracaços de futebol nascidos no mês de outubro aqui por essas terras tropicais vai além, muito além, daquela serra. Cito alguns que vou lembrando enquanto escrevo essas mal traçadas de hoje: Careca (5), Didi (8), Falcão (16), Garrincha (18) ...

Pelé e Garrincha, a propósito, jamais perderam um jogo atuando juntos pela seleção brasileira. Era impossível para os adversários marcarem dois gênios ao mesmo tempo. Dizem que a antiga União Soviética criou até um programa de computador para encontrar uma fórmula. O computador pirou!

E se a gente sair daqui do Brasil e der um giro pelo mundo, aí mesmo é que se poderá encontrar excepcionais craques de bola nascidos em outubro. Vejam só: Lev Yashin (russo, dia 22), Maradona (argentino, dia 30), Van Basten (holandês, dia 31), Kopa (francês, dia 13) ... Uma porção deles.

Imagine-se, para finalizar, um time só de jogadores nascidos em outubro: Lev Yashin; Waldemar Fiume (Brasil), Falcão e Dario Pereira (Uruguai); Kopa, Didi, Diego Maradona, Pelé e Gento (Espanha); Garrincha e Van Basten. Seria um time fantástico. Total e absolutamente fantástico!

 
© Copyright 2004 - 2018 / Todos os direitos reservados a Futebol do Norte